Aliencake

Foi numa tarde de sábado, de encontros, reencontros e desencontros, de estreia literária e café, tudo prolongado em noite, jantar e mais café, ficando no entanto curto o tempo. De súbito, aparece-me pela frente um bolo com a minha cara. Um bolo com rosto de Alien. Olhei-o uma e outra vez, e só não me belisquei porque dói um bocado, convenhamos. Mesmo a aliens. As pessoas cantavam os parabéns e batiam palmas, eu ouvia e agradecia, mas mal tirava os olhos do bolo. Fizeram-me pegar nele com uma mão, perante a apreensão de alguns circunstantes, e conduzi-lo, ou deixar que me conduzisse, à mesa improvisada. Vivendo desde sempre em terrível dúvida sobre a minha origem e condição, houve um instante luminoso em que tudo se revelou. "Sou um bolo, afinal sou um bolo!" - exclamei para mim mesmo, entre alguma perplexidade e o alívio de uma certeza há muito tempo aguardada. Foi sol de pouca dura. Lá tive que partir o bolo. Lá tive que me cortar à faca em fatias que rapidamente desapareceram. Ao que parece, estava bom, eu. O facto é que, apesar disso, ainda estou vivo. Não serei, então, um bolo? Serei apenas a recordação dele? Felizmente, a fotógrafa estava lá. Serei assim talvez a fotografia de um bolo. Há piores destinos. Há piores fins de tarde-noite de sábados de lançamentos de livros, encontros, reencontros, desencontros, jantares, cafés, aniversários e ainda mais. Muito, muito piores, garanto-vos.

5 de dez de 2006

Há condicionais e condicionais...


De quando em vez, passar aqui Leo Ferré é, para mim, obrigatório.
Gosto bastante deste "Le Conditionnel de Varieté": letra, música e interpretação conjugam-se numa sublime lição de ironia e numa "argumentação" irresistível.

Pouco se ouve de Ferré e de outros grandes da canção fancófona, como Jacques Brel, Jean Ferrat, Mouloudji, Yves Montand, Serge Reggiani, Georges Brassens, Collete Magny, Maxime Le Forrestier, Joe Dassin, Nana Mouskouri, Juliette Gréco, Gérard Lenormand e tantos, tantos outros que mereceriam igualmente ser aqui referidos.

Com um pouco de tempo livre, encontra-se na net material interessantíssimo sobre todos eles; os links de um sítio conduzem a outros, e em breve nos achamos mergulhados em biografias, letras, músicas, análises críticas, enfim, tudo o que se pode esperar e ainda mais alguma coisa. Desesperante é a falta de tempo para "ir a todas".




40 comentários:

Cristina disse...

pri-mei-ras???????????? comé possivel?

pá, lamento desapontar, mas francofonia, não é a minha praia...

poréeeeeeemmm... de algumas coisas gosto, prontos, só pa não teres um enfarte :)

beijinhos

Alien8 disse...

Cristina,
Olha, olha, milagre :)
Eu sei que não é a tua praia, mas é sempre tempo de visitar praias novas...
Depois até canto contigo hehehe...
Beijocas!

patrick_d disse...

Je vous signale le nouveau coffret de Léo Ferré réunissant 3 concerts au Théâtre libertaire de Paris en 1986, 1988 et 1990 (6 CD et 1 DVD). Uniquement en vente sur http://www.leo-ferre.com
Amitiés

amadis / pintoribeiro disse...

Pois. Passo, sorry. Bom dia, abraço,

Teresa Durães disse...

hum....


bem...

pois...


Sister of a Down?


hum....


Metallica?


Xutos?

talvez...Peter Gabriel?
Jack Jonhson? Dead Can Dance? hum....(esforço-me, juro, mas em francês....)

bom dia!

NãoSouEuéaoutra disse...

Olá ALLIEN. Faz tempo e que tempo. Mas, hoje tive uma visita sua. Não é mesmo?? Chego aqui e vejo alguns cantores que costumo ouvir por força de certas circunstancias. às tantas já me habituei a ouvi-los.

Vejo que continua tudo em linha... hehehe...
Um enorme abraço.

wind disse...

Olá:)
Vi-o no Coliseu tinha eu 18 anos:)
Conheço esses todos que escreveste:)
beijos

Alien8 disse...

PR,
Paciência... Boa noite.
Abraço.

Alien8 disse...

Teresa,

Sister of a Down? Nah, nunca ouvi falar.
Se fossem uns tipos arménios que dão pelo nome de System of a Down, aí sim, já conheceria :P

Metallica, pois, pena estarem um bocadito para o instalados...

Xutos e Peter Gabriel, sim senhor, sempre se ouvem.

Jack Johnson, um bom rapaz, e não toca nem canta mal.

Dead Can Dance, conheço mal.

Que tal Tool?
A Perfect Circle?
Muse?
E sempre, sempre Nirvana e Pearl Jam.
E U2, pois.

A seguir entro no jazz :)))

Alien8 disse...

Pérola,
Se teve uma visita minha hoje, a visita chegou atrasada, porque tentei fazê-la no fim de semana passado, e não consegui. Mistério... mas já lá vou ver.
Entretanto, tenho muito gosto em vê-la por aqui. Tudo em linha, claro :)
Um abraço!

Alien8 disse...

Wind,
Ahhhhhhhhh! Finalmente, eis-te de novo por aqui! Completamente ok, espero.
Um grande beijo.

Anônimo disse...

bom dia leo f. haiku de construção elástica....:))))

______________



pronto.meto a viola às costas ou o piano se tiver força e volto de novo p a cidade onde estudei...

beijos bisous mas tb arigato que é como quem diz no interior dos campos da china é.... que se está
bem....:)))))


bom dia bom dia bom dia.


Ysa.

pianola / Sonia R. disse...

Não gosto do Natal com férias no Brasil, idosos abandonados nos corredores dos hospitais, gente a dormir na rua. Bom dia.

Tuche disse...

Amigo eu não sou fã deste tipo de música mas ouvi muito porque o meu Pai adora.

Beijosssssssssss

Teresa Durães disse...

Alien, espantada!!!! Que tipo de Jazz? Hum??? Coltrane, ok, mais?
eheheheh

Pearl Jam claro. U2. sim. Muita música do mundo

Nusrat Fathen Ali Khan (sabes perfeitamente que troco montes de letras)

Sigur Rós (islandeses)
(agora vou trocar o nome) Lambarena(?) Mozart em Africa

Algumas de Vangelis
Enio Morricone
Led Zeppelin
sei lá, não me lembro agora de mais
hoje tem sido tudo a correr
até logo, hoje venho à noite, espero.
beijo

Cila disse...

alien

ai o que eu ouvi essas musicas :) no meu "estagio" em frança.... gosto muito..que boa selecção

beijinhos

axadresado disse...

bela seleção musical.
bons gostos.

anita disse...

assim de repente, falta um dessa "equipa" que era o Georges Moustaki. Mas muito bem pela merecida lembrança.
vamos lá ver se é hoje que eu tomo um cházinho "comme il faut"... :)

Alien David Sousa disse...

Mano, vê-se mesmo que fomos criados em planetas diferentes. Mas,não é por isso que te deixo de respeitar e ...tu já sabes que te adoro!
Bjs alienígenas

Lola disse...

Mon Cher
Boa música. Boas memórias.
Lola

amadis / pintoribeiro disse...

Abraços,

Parrot disse...

Alien8,

Não....prontos. Prefiro outras coisas....desses lados :)))

Grande abraço e bom fim de semana

easy disse...

caro amigo
aqui estou! daqui a dias "falamos" qd estiver menos stressado. No entanto, quero que saibam k tudo esta bem comigo
1 beijo à L, 1 abraço para ti do vosso amigo
easy

Alien8 disse...

Ysa,
Construção mesmo muito elástica :))))
Piano às costas é obra. Viola aceita-se. Na tal cidade ou noutra qualquer. No interiror dos campos da China... não sei não :)

Bom fim de semana, seja onde for!

Um abraço.

Alien8 disse...

Pianola,
Assim também eu não gosto.
No Brasil? Sem neve nem frio nem nada? Pffft!
Boa noite!

Alien8 disse...

Teresa,
Ah, queres música? Pois bem... música terás.
Coltrane, com certeza.
A seguir, uma selecção das bandas e músicos de jazz que tive a sorte de poder ver e ouvir ao vivo, sem qualquer ordem específica:

* New Orleans Preservation Hall Jazz Band
* Miles Davis
* Keith Jarret
* Thelonious Monk
* Giants of Jazz
* Dexter Gordon
* Elvin Jones
* Daniel Humair
* Jean-Luc Ponty
* Sun Ra
* Charlie Hadden
* Ornette Coleman
* Art Blakey e os Jazz Messengers

Chega, por agora :P

Dos que referiste, conheço mal Sigur Rós e não conheço Lambarena, ou seja o que for.

Um beijo.

Alien8 disse...

Cila,
Pois é, os estágios em França fazem sempre bem :)
Bom fim de semana e um beijo.

Alien8 disse...

Axadrezado,
Obrigado, também pela visita.
Bom fim de semana!

Alien8 disse...

Anita,
Bem lembrado, o Moustaki!
Chá e bolinhos, será hoje? Hmmm....
Bom fim de semana!

Alien8 disse...

Alien DS,
No teu planeta deveriam ouvir mais música desta, mana, não vos faria nada mal. Enfim... também não será por isso que deixo de te ter na maior estima :)
Saudações alienígenas!

Alien8 disse...

Lola,
Claro, ma chèrie, claro :)
Beijocas!

Alien8 disse...

Amadis/Pinto Ribeiro,
Abraço para ti também.
Um bom fim de semana!

Alien8 disse...

Parrot,
Também gosto de outras coisas "destes lados", mas estas... são as imprescindíveis. (Para mim, claro!).
Bom fim de semana,
Um abraço.

Alien8 disse...

Caro Easy,
Até que enfim!!!
Foi óptimo ver-te por aqui. Agora fico à espera que te passe um bocado do stress :)
Um grande abraço.

Teresa Durães disse...

eheheheh
o meu primeiro marido era um fanático de Jazz assim conheço Jazz de todas as foemas e feitios (do clássico ao contemporâneo). O máximo que pode acontecer é a (péssima) memória que tenho para nomes.

Jean-Luc Ponty conheci com o meu avô. Da listinha (nem deves imaginar o que ouvi ao vivo, Jazz Cascais, Gulbenkian, New Orleans no Jardim da Estrela e CCB, aula magna da reitoria), não estou a ver quem são os Sun Ra. Não significa que não conheça. Talvez não. A injecção foi de tal forma que depois do divórcio precisei de divorciar-me durante uns tempos do Jazz (estranhas associações mas necessárias). Agora em paz com a música, claro.

O Jazz contemporâneo não me fascina, desse fiquei divorciada (uma secção, parágrafo nos papéis)!!

Excepto se for em vibrofone (aquela mania de deitar instrumentos ao chão, ou Jazz mais barulhento - trash Jazz?? ehheeh)

brinco. não sou especialista. prefiro ao vivo do que ouvir em casa, confesso.

dixieland music, blues, soul e gospel gosto muito e tenho.

(new orleands - old?)

boa noite para ti, achei piada o 'dar-me música' mas dás-me música em música clássica. tenta ir ao youtube ver sigur rós. vais gostar.

um beijo

Alien8 disse...

Teresa,
Sun Ra não são: é :)
Vi-o, com a sua banda, em Vilar de Mouros, alguns anos depois de me terem trazido de Paris um dos primeiros LPs a aparecerem em Portugal: "The Futuristic Sounds of Sun Ra". Dá uma olhadela, se quiseres. (Não deves gostar, é free jazz :P )

http://www.elrarecords.com/sunra.html

Divorciada do jazz? Que pecado! :)
Já vi que viste o que eu vi. Também só dei alguns exemplos. É como a foto dos pratos vegs hehehe.

Já ouvi Sigur Rós, o que me enviaste, e gostei. Assim de repente, fez-me lembrar Enya.
Um beijo.

Teresa Durães disse...

fui ouvir...... |CREDO!!!!!!!!!!!!

ahahhahahhahah

(tu ouves isto?????? ahhahahahahh)

de certo és divorciado também e tens o mesmo parágrafo nos papéis. Ela disse: leva o carro, a casa, o que quiseres mas leva o Free Jazz!!!!

A segunda mulher do ex não quer música lá em casa dela ahahah não a condeno, coitada, mas ele bem me podia dar Coltrane Mile David e mais uns quantos que gostava (era lata pedir, não era???)

ahahahhahahah

agora estou mesmo a rir!!!!

(já percebi como ouves System of a Down, são mansos ao pé disto ahahahahah)

pelo menos têm ritmo ahahahah

boa tarde!!!!

Alien8 disse...

Tás a ver?
Eu bem sabia que não tinhas pedalada para o free jazz...
E VISTO, com os gajos a rebolarem-se no chão enquanto tocam, é que é mesmo bom!

P.S.: Olha que essa do ritmo está muito mal contada... o ritmo tem muito que se lhe diga :)

Isabel Magalhães disse...

Há tanto que não sabia do Ferré...

o 'devastador' do fim da década de 60.





dia bom para ti.

Alien8 disse...

Oláaaa!
Devastador é o termo!
Boa noite!