Aliencake

Foi numa tarde de sábado, de encontros, reencontros e desencontros, de estreia literária e café, tudo prolongado em noite, jantar e mais café, ficando no entanto curto o tempo. De súbito, aparece-me pela frente um bolo com a minha cara. Um bolo com rosto de Alien. Olhei-o uma e outra vez, e só não me belisquei porque dói um bocado, convenhamos. Mesmo a aliens. As pessoas cantavam os parabéns e batiam palmas, eu ouvia e agradecia, mas mal tirava os olhos do bolo. Fizeram-me pegar nele com uma mão, perante a apreensão de alguns circunstantes, e conduzi-lo, ou deixar que me conduzisse, à mesa improvisada. Vivendo desde sempre em terrível dúvida sobre a minha origem e condição, houve um instante luminoso em que tudo se revelou. "Sou um bolo, afinal sou um bolo!" - exclamei para mim mesmo, entre alguma perplexidade e o alívio de uma certeza há muito tempo aguardada. Foi sol de pouca dura. Lá tive que partir o bolo. Lá tive que me cortar à faca em fatias que rapidamente desapareceram. Ao que parece, estava bom, eu. O facto é que, apesar disso, ainda estou vivo. Não serei, então, um bolo? Serei apenas a recordação dele? Felizmente, a fotógrafa estava lá. Serei assim talvez a fotografia de um bolo. Há piores destinos. Há piores fins de tarde-noite de sábados de lançamentos de livros, encontros, reencontros, desencontros, jantares, cafés, aniversários e ainda mais. Muito, muito piores, garanto-vos.

22 de jun de 2006

Mr. Tambourine Man, de Bob Dylan, por The Byrds


Hey! Mr. Tambourine Man, play a song for me,
I'm not sleepy and there is no place I'm going to.
Hey! Mr. Tambourine Man, play a song for me,
In the jingle jangle morning I'll come followin' you.

Though I know that evenin's empire has returned into sand,
Vanished from my hand,
Left me blindly here to stand but still not sleeping.
My weariness amazes me, I'm branded on my feet,
I have no one to meet
And the ancient empty street's too dead for dreaming.

Hey! Mr. Tambourine Man, play a song for me,
I'm not sleepy and there is no place I'm going to.
Hey! Mr. Tambourine Man, play a song for me,
In the jingle jangle morning I'll come followin' you.

Take me on a trip upon your magic swirlin' ship,
My senses have been stripped, my hands can't feel to grip,
My toes too numb to step, wait only for my boot heels
To be wanderin'.
I'm ready to go anywhere, I'm ready for to fade
Into my own parade, cast your dancing spell my way,
I promise to go under it.

Hey! Mr. Tambourine Man, play a song for me,
I'm not sleepy and there is no place I'm going to.
Hey! Mr. Tambourine Man, play a song for me,
In the jingle jangle morning I'll come followin' you.

Though you might hear laughin', spinnin', swingin' madly across the sun,
It's not aimed at anyone, it's just escapin' on the run
And but for the sky there are no fences facin'.
And if you hear vague traces of skippin' reels of rhyme
To your tambourine in time, it's just a ragged clown behind,
I wouldn't pay it any mind, it's just a shadow you're
Seein' that he's chasing.

Hey! Mr. Tambourine Man, play a song for me,
I'm not sleepy and there is no place I'm going to.
Hey! Mr. Tambourine Man, play a song for me,
In the jingle jangle morning I'll come followin' you.

Then take me disappearin' through the smoke rings of my mind,
Down the foggy ruins of time, far past the frozen leaves,
The haunted, frightened trees, out to the windy beach,
Far from the twisted reach of crazy sorrow.
Yes, to dance beneath the diamond sky with one hand waving free,
Silhouetted by the sea, circled by the circus sands,
With all memory and fate driven deep beneath the waves,
Let me forget about today until tomorrow.

Hey! Mr. Tambourine Man, play a song for me,
I'm not sleepy and there is no place I'm going to.
Hey! Mr. Tambourine Man, play a song for me,
In the jingle jangle morning I'll come followin' you.

30 comentários:

Teresa Durães disse...

Mas eu gosto tanto!!!!! mas tanto!!!!!!!!!!!!!!!! de Bob Dylan!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


:))))))))))))

Obrigada Alien8!!!!!!!!!!!!!

Teresa Durães disse...

E ouço, e ouço, e ouço :))))

ainda te encho a caixa dos comments!!!

(tenho aqui o pc com as músicas dele e o MP3 eheheheheheh)

Alien8 disse...

Teresa,
Eu também, como se vê pela amostra, embora a interpretação aqui não seja dele. Então já está tudo nos conformes, não é? Óptimo!
Hmmm.... que mp3?

Teresa Durães disse...

Um philiphs sempre na malinha da (shuuuu!) mala de srª engª....

ehehehheh

esta treta de termos de brincar durante o dia... não há paciência!

(penso que não disfarço lá no trab... talvez para alguns... queres que te passe este dele? eheheh manda-me um email que eu faço um replay... lololol... )

ah! aquela crítica tua cheia de ???
esses ??? não eram para eu responder.. perguntas antigas mas actuais. Coisas que, para gente decente como tu não fazem sentido, claro. Para outros?

ehheheheh

Cristina disse...

bonito, bonito:)))

beijinhos, b'noite.

Alien8 disse...

Teresa,
Estou esclarecido :)
Excepto nessa do email - replay - este dele. Se é a versão do Dylan, obrigado, tenho-a por aí :)

Alien8 disse...

Cristina,
Lá isso é :)
Beijoca.

wind disse...

Sempre gostei desta música desde que me lembro de a ouvir, seja por ele, ou por estes:)
Os anos 60 foram mesmo uma revolução musical:)
beijos

Alien8 disse...

Wind,
Sem dúvida que foram, e o Dylan esteve na crista da onda :) Ele e tantos, tantos outros!
Um beijo.

Teresa Durães disse...

Não acredito que está tudo acordado......

Alien David Sousa disse...

Mano, adoro esta musica - velhinha, mas chegou até mim - e folgo em ver que NÂO È MAIS UMA RECEITA PARA engordar terrestres ;)

Saudações alienígenas

Vanda Baltazar disse...

Com Bob Dylan qualquer inicio de 6ª feira fica delicioso...!

Sem saber de ti e dele aqui,tinha posto a tocar um cd tb de musicas de ontem :) as baladas do 2001, catedral do rock, onde eu só fui em 2003 ;)) (Babe I love your way) mas segundo me disseram, era tal e qual aquilo que eu via e ouvia, só as pessoas estavam todas mais velhas 20 anos ;)) as que tinham conseguido sobreviver, claro!!

E agora vou voar até à Teresa :) ver se a viagem matinal lhe correu bem :)

beijos

Van

Visi disse...

olá e beijocas grandes!!

mar disse...

Drunfos à parte, é uma bonita canção..... those were the good old days...
Bjs e bom fim de semana :)

Teresa Durães disse...

(drunfos à parte? Porquê? lolololol)

maloud disse...

Gosto sempre de ser transportada aos teen. E já agora em Rolls-Royce.

Anônimo disse...

e assim fica melhor a tarde....






piano.

Cila disse...

ao tempo que nao ouvia esta musica.... mantem a cadencia;):) dos seus perto de 40 anos (suponho)

:)
beijokas

Parrot disse...

Mais uma surpresa, meu caro....gosto.... :))

Um abraço e bom fim de semana

pintoribeiro disse...

Que guitarras...ainda se aprende. Boa noite, abraços Alien.

Alien8 disse...

Teresa,
"Estava" tudo acordado :)

Alien8 disse...

Alien DS,
Esta música engorda os sentidos lol.
Boa noite alienígena.

Alien8 disse...

Vanda,
Para começar, ainda bem que já aqui consegues entrar sem problemas (creio).
Que grande coincidência, ambos com o Dylan na ideia e na prática :))
Boa noite e bom fim de semana.

Alien8 disse...

Visionária,
Beijos e boa semana para ti.

Alien8 disse...

Mar,
Drunfos? Que drunfos? Onde? :))))))
Boa semana.
Beijinho.

Alien8 disse...

Maloud,
Foi com todo o gosto que fiz de Ambrósio.
Muitos Ferrero-Rochers!

Alien8 disse...

Piano,
Pois fica, obrigado :)
E a noite.

Alien8 disse...

Cila,
Para aí, para aí... hehehe. Ou serão cinco anitos? Ai, esta memória...
Boa noite, bom fim de semana,
beijinhos.

Alien8 disse...

Parrot,
Ainda bem :)
Bom fim de semana,
Um abraço.

Alien8 disse...

Ghriba2,
De facto. Uma boa noite, ao som de quaisquer boas guitarras.
Um abraço.