Aliencake

Foi numa tarde de sábado, de encontros, reencontros e desencontros, de estreia literária e café, tudo prolongado em noite, jantar e mais café, ficando no entanto curto o tempo. De súbito, aparece-me pela frente um bolo com a minha cara. Um bolo com rosto de Alien. Olhei-o uma e outra vez, e só não me belisquei porque dói um bocado, convenhamos. Mesmo a aliens. As pessoas cantavam os parabéns e batiam palmas, eu ouvia e agradecia, mas mal tirava os olhos do bolo. Fizeram-me pegar nele com uma mão, perante a apreensão de alguns circunstantes, e conduzi-lo, ou deixar que me conduzisse, à mesa improvisada. Vivendo desde sempre em terrível dúvida sobre a minha origem e condição, houve um instante luminoso em que tudo se revelou. "Sou um bolo, afinal sou um bolo!" - exclamei para mim mesmo, entre alguma perplexidade e o alívio de uma certeza há muito tempo aguardada. Foi sol de pouca dura. Lá tive que partir o bolo. Lá tive que me cortar à faca em fatias que rapidamente desapareceram. Ao que parece, estava bom, eu. O facto é que, apesar disso, ainda estou vivo. Não serei, então, um bolo? Serei apenas a recordação dele? Felizmente, a fotógrafa estava lá. Serei assim talvez a fotografia de um bolo. Há piores destinos. Há piores fins de tarde-noite de sábados de lançamentos de livros, encontros, reencontros, desencontros, jantares, cafés, aniversários e ainda mais. Muito, muito piores, garanto-vos.

30 de jul de 2006

Regresso com Recuerdos de Alhambra

No fim de tudo, o que são as palavras? Pedaços de espuma que nos secam na boca, restos de poeira atravessando a luz criada por uma janela entreaberta no fio da manhã. Imagens de braços que nos chamam e não podemos já alcançar, abraços proibidos. De olhos que de longe nos sorriem, de cada vez mais longe. Partículas de sonho desenhando um rosto que com o tempo se irá diluindo na memória. "Avec le temps, tout s'évanouit", canta-nos Ferré. Recordações, como as de Alhambra, ou quaisquer outras que nos enterneçam e arrepiem. Lágrimas. No fim de nós, os que vamos ficando, o que são as palavras?

65 comentários:

Cila disse...

alien
estas de volta... escreves um texto muito forte e comovente!....

Só posso dizer se precisares tou aqui.

Discordo no entanto de ferre pois considero que "existe sempre que há memória"
beijos

Amir disse...

... Words dazzle and deceive because they are mimed by the face. ...

Bem vindo! Baci

maloud disse...

Nem tudo "s'évanouit", Alien. Nós, é que por vezes, só tarde nos damos conta.
Bisous

Tuche disse...

Amigo regressei de férias e fico feliz de ver que já estás de novo em terra...
Amigo dizes bem "o que são as palavras"???

Ás vezes mais vale um gesto bonito do que mil palavras.

Eu deixo-te um beijo e um sorriso :)

Pêndulo disse...

As palavras somos nós. O resto é o corpo-máquina.
Bem vindo.

Alien8 disse...

Cila,
Obrigado por "estares aí". Só o facto de o dizeres já é muito importante. A memória, sim, enquanto há...
Um beijo.

Alien8 disse...

Amir,
Obrigado. Está certo o que dizes, quanto às palavras que dizemos. Mas há sempre as outras, que calamos e/ou imaginamos.
Baci:)

Alien8 disse...

Maloud,
Também é verdade. Mas o tempo é implacável...
"El tiempo, el implacáble, el que pasó
Solo una huella triste nos dejó."
E talvez seja por isso que sobrevivemos. Há esquecimentos que são fundamentais. Tanto quanto as memórias.
Bisous.

Alien8 disse...

Tuché,
Muito bonitos, o teu beijo e o teu sorriso. Para ti, um beijo e um obrigado.
E um sorriso também :)

Alien8 disse...

Pêndulo,
Obrigado pelas boas-vindas.
É certo que as palavras somos nós, mas acredito que sempre seremos mais que as palavras, por muito importantes que sejam - e são. O corpo-máquina é que nos trama... :)
Um abraço.

wind disse...

Palavras são isso tudo e também a alegria de com elas saber que estás aí, mesmo virtual és real, já te considero um amigo, que senti a tua falta, que gostei muito de ler as palavras que escreveste pois são das que gosto, fortes e profundas, aqui as palavras são importantes sim, pois não temos outro meio de comunicar, ainda bem que voltastes porque gosto muito de ti:)
beijos

wind disse...

errata: ainda bem que voltaste:)

Alien8 disse...

Wind,
Tens razão, as palavras aqui são mesmo fundamentais. Valha-nos isso, "e ter quem goste de nós", como reza o fado.
Obrigado pelas tuas palavras. Também gosto muito de ti :)
Um beijo.

pintoribeiro disse...

Magnífico, este post. E Alhambra...um grande abraço.

Visi disse...

Sim...o que são palavras??'


Ainda bem que voltaste! Beijocas

Teresa Durães disse...

As palavras podem ser um veículo de definição de um estado de alma. Podem ser a voz da saudade. podem ser violentas. amantes. gerar a guerra. um mundo

e das tuas tinha saudades.

bem vindo sim. estou em férias, sim.

mas nunca das palavras.

Alien8 disse...

Pinto Ribeiro,
Obrigado :)
Um grande abraço, K'mrd. Mudança de nick?

Alien8 disse...

Visionária,
Vamos ver que palavras sairão domeu regresso :)
Um beijo.

Alien8 disse...

Teresa,
Também eu tinha saudades das tuas, mas vou tratando de resolver isso :)
Que as férias sejam óptimas e as palavras cada vez melhores.
Boa noite.

Teresa Durães disse...

(de férias os voos são rápidos aqui na net. por acaso agora tenho ligação via modem... uma coisa muiiiiiito estranha.....

até ao momento andava a roubar bits...

a história é nova.. fresca e ainda pouco pensada, nada retocada. apenas escrita. boa noite por aí. ainda não voei na minha banda.)

Alien8 disse...

Teresa,
Haha, isso são coisas que se façam??? ;))
Vou aguardando a história fresca!
Boa noite.

Cristina disse...

bom saber-te por perto alien.

um abraço grande.

maloud disse...

Só me vim despedir. O sítio para onde vou tem net e vai um portátil, mas como sabe preciso de respirar.
Boas férias e bisous a todos

Nota: Por mail, alguém me preveniu que o meu nick está a ser usado abusivamente. Só volto no fim de Agosto.

wind disse...

Vim-te dar um oi e um beijo:)*

pintoribeiro disse...

Abraços K'mrd.

Mocho Falante disse...

Excelente regresso sim senhor.

Adorei o texto

abraços

Teresa Durães disse...

Alien8: Faz-se sim. Imagina, soube hoje, que a PT cobra 5euros /h para te ligares à net.... que roubo!!!!!!!!!!

20 euros/dia

extorsão!!!!!!!

prefiro ir bater a casa de alguém e pagar esses cinco euros ahahahahah

- olhe, ando a roubar a sua net, tome lá 5 euros!

lolololololol

(cuida da tua rede! Posso estar por perto!)

boa noite!

Cila disse...

beijo

rouxinol de Bernardim disse...

As palavras são de facto espuma mas também são armas, motivações, fardos...

Boas férias!

Alien8 disse...

Cristina,
Obrigado. É bpm ter-te por perto, também :)
Beijinhos.

Alien8 disse...

*bom (teclado novo, pequeno e com layout ligeiramente diferente hehehe).

Alien8 disse...

Maloud,
Antes de mais nada,boas férias e bisous a todos também. E muita, muita respiração - mas não demasiada :)
Quanto ao uso abusivo do nick, é lamentável, mas não creio que a diferença de estilo me passasse despercebida...
Até ao fim de Agosto, se antes não for.

Alien8 disse...

Wind,
Obrigado pelo OI e pelo beijo. Para ti vai um também. Já lá passo :)

Alien8 disse...

Pinto Ribeiro,
Para ti também, K'mrd. Isso vai?

Alien8 disse...

Mocho Falante,
Obrigado. As razões que estão / estiveram na base do texto é que são tudo menos excelentes. Mas a vida é assim, por vezes demasiado triste para as palavras.
Um abraço.

Alien8 disse...

Teresa,
Como se os pobres coitados tivessem que pagar pela PT.... :P
Não arranjas mesmo uma tarifa melhor para te ligares do portátil quando quiseres? Há uns aparelhitos que se ligam ao portátil, mas não sei o preço da ligação nas diversas operadoras. Enfim, se estiveres por perto, avisa e identifica-te, que eu, para ti, abro a minha rede inexpugnável (qual castro lusitano hehehe).
Boa tarde :)

Alien8 disse...

Cila,
Obrigado pela visita. Um grande beijo para ti.

Alien8 disse...

Rouxinol de Bernardim,
Bem-vindo!
São isso tudo, e por vezes não são nada...
São apenas semi-férias, mas obrigado. Para ti, se for o caso, Boas Férias também.

Teresa Durães disse...

Alien8: Os cartões 3G (que eu ia comprar) dão em.... Lisboa, Porto e poucos mais sítios... fiquei chocada, horrorizada (Portugal é mesmo Lisboa e o resto paisagem.... é incrível!)

Às vezes tento bibliotecas (acreditas que em terras pequenas não têm net? Fico... abismada... e querem que comprem o selo do carro via net lolololol)

Portugal, tirando algumas principais cidades de concelho, está esquecido em todos os sentidos. Uma vergonha. Grande

(a minha rede está desse modo. Penso que devia abri-la depois deste passeio....)

Cheguei a entrar em redes de pequenas empresas....

Teresa Durães disse...

Alien8: Nem sabia que discursavas ahahahahh política :( nos dias que passam...

Alien8 disse...

Teresa,
Ao que parece, Portugal nem é dos piores países em matéria de cobertura de internet em zonas não urbanas. Ao que dizem...
Depende de onde estejas, em todo o caso. Conheces os senhores< da Junta de Freguesia? :)

Teresa Durães disse...

Pois mas não só não existe net como não existe saneamento básico em certos lugares. Esses senhores das Juntas... ai!! Nem me fales!!! Temos mesmo que os ter? :(

Alien8 disse...

Teresa,
Então, é o poder local que temos... nem todos são maus, alguns até são bastante bons. E depois há o Tino de Rans...

Só hoje passei no meu ex-blog O Fortunatos Nimium e vi o que lá escreveste. Também disse que não faço ideia de como lá foste parar, mas... o limk está aí bem à vista hehehe.

Teresa Durães disse...

Quem é o Tino de Rans?

Alien8 disse...

Ah! Não conheces o Tino de Rans????
Lolololol!
Podes ver aqui:
http://tinopresidente.blogspot.com/
Boa noite.

Teresa Durães disse...

ahahahah fui ver!!! Não conhecia! Só vim para os blogs está quase a fazer um ano e aquilo é de 2004. A 31 deste mês mais precisamente.

Mas, como no meu não se repara :) como colocou a Maeve do Verbo ad Verbum, vou na 17ª edição!

Alien8 disse...

Teresa,
Mas olha que o Tino de Rans, presidente indiscutível da Junta de Freguesia de Rans, é um cromo de sempre, e continua actual. No fundo, é um bom homem, como devia haver muitos. Oxalá não se transforme / tenha já transformado. Até foi à Quinta das Celebridades, o que já não abona muito, mas enfim...
Estou então quase a dar-te os parabéns por um aninho bem produtivo. Eu já fiz o meu ano, se contarmos com aquele outro blog que já não o é, e que foste descobrir. Este, nem sei quando começou... hei-de ir ver lol.
Boa tarde.

Teresa Durães disse...

Foi à quinta? tenho de perguntar aos meus filhos ahahahahha

eu seu que é dia 31 porque mudei de computador à pouco tempo por isso tive de andar a mexer nos ficheiros ;)

Alien8 disse...

Pergunta, que eles sabem com certeza :)

Teresa Durães disse...

lol

o lápis disse...

GOstei.

Muito :)

Alien8 disse...

Teresa,
Sabem ou não?

Alien8 disse...

Vanda,
Obrigado :)

Teresa Durães disse...

olha... esqueci de perguntar! tenho de me lembrar... agora a filha dorme!

Alien8 disse...

Teresa,
Boas horas de andar na net :))

Teresa Durães disse...

a minha filha conhecia....

eheheheheh

(estas são melhores???? para a semana tenho de estar mais certa mas ando com as horas trocadas e não consigo destrocá-las...)

Alien8 disse...

Estás a ver, eu bem te dizia :)

Teresa Durães disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Teresa Durães disse...

ainda nas palavras... as horas da manhã são as melhores.quase convenço-me que sou gente. reabri o blog com um texto antigo. uma parte de uma história de miudos. vim só deixar um bom dia. no trabalho a fingir que faço...

Alien8 disse...

Teresa,
Já só posso deixar uma boa noite :)

Teresa Durães disse...

:)

QuemNãoEsqueci disse...

um monte de palavras noutro lado.

bettips disse...

Passo "n" vezes por aqui, porque gosto e porque sim. Hoje só comento porque senti-me chorar, com a simplicidade deste post: "Avec le temps, tout s'en va", esse homem velho e poderoso que sabia do que falava! Como tu, parece ...e eu: que sim, restam as palavras (surdo-mudas). Abç

Alien8 disse...

Pontonoj,
Pode ser, pode ser, mas é deprimente, em todo o caso. Pelo menos às vezes:)

Alien8 disse...

Bettips,
Obrigado por me visitares. Entretanto passei no teu blog e concordei, embora só aqui o comente, com o último post que vi, sobre os anos 60. Era assim mesmo. E, sim, não é nada fácil de explicar. Só mesmo tendo lá estado. Nos pinhais e outros sítios. Ferré sabia do que falava, e provou-o, ele que dizia não ser não mais que um "artiste de varietés" :))) Eu espero saber.